terça-feira, 28 de setembro de 2010

Fotos e vídeos amadores de casal fazendo orgia

Meu nome é Daniele e vou lhes contar aqui nesta página fantástica o que aconteceu comigo e meu noivo no dia 20 de abril deste ano (2006), pois não poderia deixar de contar essa maravilhosa história que se eu soubesse que seria tão bom assim teria feito muito antes.
Bom, vamos ao que interessa... Moro em Cuiabá (MT) e namorei com meu atual noivo durante 4 anos, já estamos noivos há 3 meses e vamos nos casar no final de maio. Com apenas 2 meses de namoro já estávamos transando. No início nossas transas não eram aquelas maravilhas, não sei se porque eu não conseguia me soltar tanto ou porque ele, com o passar do tempo, se especializou... mas o que posso lhes dizer que com esse passar do tempo essas transas foram ficando tão intensas que eu, as vezes, chegava a gozar umas 7 ou 8 vezes... e meu noivo, diga-se de passagem, se tornou um especialista em mim... Foi ai que, no auge de nossas transas (há quase um ano), quando já trocavamos palavrões e os desejos mais secretos foi que ele me confessou que adoraria transar comigo e outra mulher ao mesmo tempo... Caramba, aquilo me pegou de surpresa, não tive reação no momento e para não desaponta-lo prometi que isso iria acontecer...
Posso lhes dizer que jamais havia pensado em tal hipótese, não tinha opinião formada sobre aquilo, então pensei comigo, vou ficar quieta e quem sabe o Igor esqueceria essa maluquice... Que nada, todas as vezes que transávamos, no auge do rala e rola, ele tocava no assunto, e eu para esquentar ainda mais ficava fazendo ele imaginar como seria... o que, é claro, alimentava ainda mais suas fantasias...
Pronto, estava consumado... Certo dia, enquanto transamos loucamente, ele me contou detalhes de como queria que fosse o menage... Disse que eu teria que escolher a mulher e que poderia tanto ser uma amiga minha ou uma prostituta, desde que fosse muito bonita e gostosa... O “pior” viria agora... ele disse que, além de querer que fosse surpresa (eu chegar com a mulher quando ele menos esperasse), queria que eu e ela fizéssemos sexo (como lésbicas), onde eu deveria chupa-la, beija-la e vice-versa, enquanto isso ele só assistiria... depois gostaria que quando estivéssemos bem molhadas deveríamos chamá-lo para a brincadeira onde ele meteria primeiro em mim enquanto a outra mulher chupava, hora seu saco, hora meu clitóris... entre outras coisas que vocês já já saberão... Nossa, fiquei pasma com a riqueza de detalhes que era sua fantasia e ainda mais com a idéia de eu ter que ter uma relação homo com outra mulher, eu jamais havia feito isso... mas, confesso que todos aqueles detalhes me deixaram meio perturbada... mau conseguia trabalhar direito durante a semana pensando naquilo... e quando pensava muito então ficava molhada só de imaginar as cenas.
Bom, tomei coragem e resolvi realizar a fantasia de meu noivo que à essas alturas já tinha se tornado a minha fantasia também... Preparei tudo com uns 3 dias de antecedência, como tinha vergonha de falar um assunto desses com uma de minhas amigas e ciúme de dividir uma delas com meu noivo que, eu sei que, elas tanto cobiçam, resolvi contratar uma prostituta de luxo, dessas que não trabalham em boates, só para agencias... escolhi a mais bela de todas elas, afinal já que teria que ser feito que fosse bem feito... e deveria ser uma mulher que deixasse o Igor de pau duro o tempo todo. Caramba, e ela era realmente muito bonita, pele clara e levemente bronzeada de olhos azuis e cabelos pretos, com mais ou menos uns 1,75 metros e um corpo e rosto muito bonitos, combinei tudo com ela antes, inclusive disse que teríamos que transarmos nós duas e que eu nunca havia feito isso... ela disse que seria maravilhoso e que eu poderia ficar tranqüila que depois que transasse com ela sempre iria querer outra mulher...
Reservei um quarto de um motel 5 estrelas pro dia 20 de abril às 23:00h e marquei para que a moça ficasse nos esperando dentro da suíte... Ahh! Esqueci de um detalhe, dia 20 de abril, foi aniversário de meu noivo... preparei tudo para que fosse o melhor presente de aniversário da vida dele – o que depois ele me confessor que realmente foi. Gastei uma grana, mas valeu a pena.
Naquele dia (20), saímos para jantar ai pelas 21:00h, no restaurante lhe entreguei uma lembrancinha... conversamos muito sobre a vida, nosso futuro, e a conversa acabou se desviando para o sexo, o que é claro, eu adorei... ai quando percebi que já estava quase chegando a hora H, sugeri que fossemos terminar aquela conversa em outro lugar mais reservado... Para disfarçar, aproveite a situação de que era seu aniversário e disse que eu escolheria o motel, que eu pagaria o mesmo e que eu iria dirigindo o carro... nada mais perfeito, né?!
Quando chegamos ao motel, a moça (a prostituta, prefiro chamá-la de moça) já estava a nossa espera com um espartilho branco muito bonito. Ela ficou escondida atrás de uma cortina que havia no motel enquanto eu e o Igor entramos na suíte nos beijando loucamente e tirando nossas roupas. Quando eu estava somente de calcinha, disse para ele que parasse por ali que ele teria que esperar mais um pouco pra me comer naquele dia... ele fez uma cara de decepção e surpresa ao mesmo tempo, como quem não entendeu nada... foi então que chamei a moça para a brincadeira... Quando ela saiu por detrás das cortinas pude ver um lindo sorriso no rosto do Igor, um dos mais bonitos que já vi. Eu estava louca de tesão, muito mais pela idéia de transar com aquela mulher do que oferecer ela a meu noivo.
Foi então que começamos... o Igor tentou se aproximar dela, mas na hora eu disse que não, pois aquilo não estava no script (e o script foi ele quem “escrevera”’) e ele deveria ficar esperando ali na cama e o máximo que poderia fazer seria bater uma punheta. Ela veio com um toque macio e suave sobre minha pele, que me arrepiou todinha... começou a chupar meus seios e foi descendo até chegar na minha buceta... eu não sabia o que fazer, mas quando ela começou a chupar meu clitóris, não deixei, puxei ela pra cima novamente e beijei-a como beijava meu noivo no inicio de nosso namoro, loucamente... aquele beijo me enlouqueceu desci beijando cada centímetro do corpo daquela mulher até chegar em sua bucetinha raspadinha... chupei, chupei e chupei, até sentir ela gozar... depois ela me chamou para um 69, enquanto isso o Igor estava na cama de pau na mão olhando nossa cena fixadamente e meio sem saber o que fazer, pois deveria respeitar as regras que ele mesmo havia sugerido... fizemos um 69 maravilhoso até que ela me fez gozar... depois que nós duas havíamos gozado chamamos o Igor para a brincadeira... e tudo aconteceu como ele havia imaginado, ele me colocou de 4 e começou a comer minha buceta, enquanto a moça chupava meu clitóris e seus ovos... eu não sabia que aquilo seria tão bom... tanto pra mim, quanto pra ele... nossaaaa é uma sensação maravilhosa, sentir o pau entrando e ter outra pessoa chupando seu clitóris.. ele então, a cada chupada que ela dava em seus ovos chegava a urrar de tesão... depois que eu gozei loucamente ele colocou uma camisinha e colocou ela sentada sobre ele e fez com que eu ficasse chupando seus ovos... a bunda dela batia em minha cabeça foi quando abaixei mais e comecei a chupar o cu dele... foi ai que ele enlouqueceu mais ainda.
Como vi que ele estava louco de tanto tesão resolvi fazer uma coisa que nem saberia qual seria a reação dele, molhei meu dedo com o liquido que escorria da buceta dela e enfiei no cuzinho de meu noivo e apertei sua próstata por dentro... aquilo o deixou com tanto tesão, que em menos de 10 segundos ele gritou tão alto que o motel todo deve ter ouvido e gozou como um cavalo, a prostituta parecia uma boneca de tanto que ele a levantava e puxava-a de uma vez para seu encontro... foi o orgasmo mais forte que já vi o Igor ter...
Depois de tudo isso ainda transamos várias vezes naquele dia, onde ele comeu meu cu, o cú da prostituta, fodemos na sauna, na banheira e acordamos no dia seguinte os 3 abraçados e nus e, é claro, fodemos novamente os 3 juntos com muito mais sacanagens ainda... depois ainda tomamos café da manhã e fomos para a piscina para relaxarmos antes de irmos embora...
Esse foi o relato da história verídica que aconteceu em abril deste ano (2006), desde então eu e o Igor já imaginamos outras fantasias muito mais maliciosas ainda, mas resolvemos deixar para depois do casamento, ou seja daqui a menos de 1 mês (em maio de 2006)... caso você seja mulher e deseje nos conhecer para um maravilhoso menage, mande nos um e-mail para nos conhecermos, posso garantir que somos um casal muito culto (os dois com nível superior) e muito bonitos... Já nos passou pelas nossas fantasias também a idéia de uma transa com outro homem ou um swing com um casal de nossa faixa etária (23 a 30 anos), mas por enquanto queremos explorar primeiro o ménage feminino e quem sabe com o tempo até outras coisas mais picantes

Marcadores: , , , , , , ,





0 Comentários:

Postar um comentário

revistasgratisfamosas@gmail.com

Assinar Postar comentários [Atom]

<< Início